Express Medical

Conheça nossa loja Online: www.expressmedicalstore.com.br

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Noite de sono ajuda a esquecer acontecimentos ruins, diz estudo


Um dia ruim pode ser esquecido após uma boa noite de sono. É o que sugere novo estudo publicado na revista 
Current Biology.
Os resultados encontrados mostram que durante a fase do sono chamada REM (movimento rápido de olhos, na sigla em inglês), o cérebro processa as experiências em um ambiente com menores níveis de estresse. Assim, as emoções são processadas, mas sem as dificuldades que a memória traz à tona.
"A pessoa acorda no dia seguinte e aquelas experiências nem sempre boas já estão mais amenas", conta o líder do estudo e professor da Universidade de Berkeley, na Califórnia, Matthew Walker.
O estudo foi realizado com 35 adultos saudáveis, que foram divididos em dois grupos. Cada um deles viu 150 imagens que causavam diferentes tipos de emoção. As gravuras eram variadas, de um homem segurando uma arma, a uma cobra preparada para atacar, e enquanto isso os cérebros eram monitorados por um escâner.
Metade dos participantes viram as imagens na parte da manhã e depois novamente na parte da noite, permanecendo acordados entre esses dois momentos. Já o outro grupo viu as gravuras na parte da noite, e depois de uma noite de sono, as viram novamente de manhã.
Os que haviam dormido entre as visualizações das imagens apresentaram reações emocionais menores com relação às imagens. O escâner ainda mostrou uma grande redução na atividade da amígdala cerebral, parte do órgão que processa emoções, e isso permitiu que os pacientes pudessem ter mais controle do que sentiam.
Os pesquisadores também analisaram a atividade cerebral dos participantes enquanto eles dormiam. "Durante o sono REM, as memórias estão sendo reativadas, colocadas em perspectiva e se integrando, mas em um estado onde princípios químicos do estresse são reprimidos", disse outro pesquisador envolvido no estudo, Els van der Helm.
Os pesquisadores acreditam que a diminuição de princípios químicos no cérebro ajuda a acalmar as reações emocionais que remetem às experiências que ocorrem em dias anteriores.
Estresse pós-traumático
A descoberta ajuda a explicar porque pessoas que sofrem de estresse pós-traumático, como veteranos de guerra, têm mais dificuldades de se recuperar de acontecimentos ruins, visto que o sono desses pacientes não funciona da forma correta.
Um remédio para pressão alta tem sido prescrito para quem tem esse tipo de distúrbio, pois ele suprime compostos químicos de estresse no cérebro e deixam o sono REM mais tranquilo. Segundo os pesquisadores, há uma redução nos pesadelos e uma melhoria da noite de sono.

FONTE: Uol Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário